Tecnologia do Blogger.

2019 | O Que Vai Mudar


O novo ano de 2019 por enquanto, ainda está a ser um ano bom. Após o #blogmas2018 que me retirou vários anos de vida (risos) decidi que merecia umas pequenas férias do mundo da internet. Agora de volta, e a escrever este post, admito que parte de mim está a sentir-se como se fosse novamente a primeira vez. Estes dias fora do blog, também me permitiram perceber - com clareza - o que queria mudar e o que queria manter portanto, quais são as novas direcções que ele vai tomar? 
A nível de texto, muito pouca coisa. A minha escrita é minha característica e as opiniões vão continuar a ser o mais sinceras e honestas possíveis mas, por outro lado, vou tentar apostar mais na fotografia (o que para mim vai ser definitivamente um grande esforço) e na qualidade das imagens do blog. Neste momento elas estão satisfatórias e temáticas mas I really want more. Neste sentido, vou procurar também apostar mais no instagram com também vídeos, entre outros, pelo que podem sempre seguir aqui.

O Meu Ano em Livros | Blogmas #30

É oficial, o fim de 2018 já se avizinha. É neste momento que a maioria das pessoas começa a realizar as suas introspecções e análises e a preparar-se mentalmente para enfrentar o novo ano. Há planos que são feitos, outros refeitos e há uma sensação de mudança no ar que pura e simplesmente adoro - e sim, sei que podemos mudar em qualquer altura do ano mas esta é, pessoalmente, uma das minha preferidas
Em relação ao Delirious Beautiful Mind adorei cada minuto de 2018 e fico extremamente contente por ser algo que ainda me dá gosto de fazer. A comunidade é maravilhosa e a paixão que partilhamos criou elos que não esperava. Gostaria de poder dizer que vou ser capaz de ter publicações novas todos os dias mas sei que, pura e simplesmente, isso não é possível. Participar no Blogmas deu-me um completo respeito pelas pessoas que o fazem e mantêm toda uma vida fora da internet em simultâneo.
É algo, sem dúvida, trabalhoso. De qualquer dos modos, prefiro ter um reduzir número de publicações mas que estas tenham um conteúdo do qual me orgulhe, pelo que penso que três publicações por semana (terça-feira, sexta-feira e domingo), são boas opções. Em relação ao próprio design cá do sítio, embora goste dele, ainda não está completamente ao meu gosto e as fotografias são algo que adoraria conseguir aprimorar! A ver vamos. Talvez 2019 seja o ano em que descubro o meu talento pela fotografia (improvável!).

| Review | O Ódio que Semeias de Angie Thomas | Blogmas #29


Starr tem 16 anos e move-se entre dois mundo: o seu bairro periférico e problemático, habitado por negros como ela, e a escola que frequenta numa elegante zona residencial de brancos. O grácil equilíbrio entre estas duas realidades é quebrado quando Starr se torna a única testemunha do disparo fatal de um polícia contra Khalil, o seu melhor amigo. A partir daí pairam sobre a Starr ameaças de morte: tudo o que ela disser acerca doc rime que presenciou pode ser usado a seu favor por uns, mas sobretudo como armas por outros. Um poderoso romance juvenil, inspirado pelo movimento Black Live Matter e pela luta contra a discriminação e a violência
"O racismo é a discriminação social baseada no conceito de que existem diferentes raças humanas e que uma é superior às outras. (...) Consiste numa atitude depreciativa e discriminatória não baseada em critérios científicos em relação a um grupo social ou étnico." The Hate U Give ou O Ódio que Semeias na versão em português é um livro que retrata uma situação - infelizmente - real do que a discriminação pela raça ou pelo background podem fazer numa situação policial. Inspirado pelo movimento #BlackLivesMatter, um movimento ativista que luta contra a brutalidade policial e contra as condições sociais e políticas que oprimem os afro-americanos, Angie Thomas apresenta-nos um livro importante e que deve ser lido por todos.