Tecnologia do Blogger.

| Review | Destinos Divididos de Veronica Roth

O destinou uniu-os. E agora vai separá-los. As vidas de Cyra Noavek e Akos Kereseth são regidas pelos seus destinos, ditados à nascença pelos oráculos. Uma vez pronunciados, os destinos são inconformáveis. Akos está apaixonado por Cyra, apesar do seu destino: morrer ao serviço da família de Cyra. E quando o pai de Cyra, Lazmet Noavek, um tirano desalmado dado como morto, reivindica o trono de Shotet, Akos acredita que o seu final está mais próximo do que nunca. Quando Lazmet desencadeia uma guerra bárbara, Cyra e Akos tentam desesperadamente pôr-lhe um fim, a qualquer custo. Para Cyra, isso pode implicar arrebatar a vida ao seu hipotético pai. Para Akos, pode implicar sacrificar a própria vida. Numa estonteante reviravolta, os dois vão descobrir como os destinos definem as suas vidas de formas tão inesperadas.
Destinos Divididos é o último volume da nova duologia de Veronica Roth que começou com Gravar as Marcas. Um livro de ficção científica que retrata a história de Akos Kereseth e Cyra Noavek numa galáxia onde os oráculos e os destinos ganham uma importância extrema para o desenvolvimento da acção. É um livro rodeado de nomes originais e planetas diferentes, capazes de deslumbrar o mais céptico dos leitores.
Gravar as Marcas foi, para mim, um livro complexo e uma leitura complicada, isto porque as primeiras páginas são confusas com nomes estranhos e fictícios para planetas, plantas, pessoas, tudo, sem qualquer aviso prévio. A autora descreve o mundo e o seu novo universo como se nós, leitores, já o conhecêssemos de antemão e nenhum apêndice no final do livro ajuda à compreensão da história na sua plenitude. Em mim, esta complexidade cuspida no primeiro livro acabou por ser frustrante pois os nomes baralhavam-se e as ideias ficavam todas misturadas. 
A soft heart was a gift, whether given easily or with great reluctance. I would never take it for granted again.
No entanto, em Destinos Divididos a sensação de confusão que existiu em Gravar as Marcas foi muito menor. Não estou familiarizada, de forma nenhuma, com segundos volumes de livros de ficção científica mas, por já conhecer o mundo, a língua e os personagens de antemão a facilidade com que reentrei no universo de Veronica Roth foi enorme e mergulhei rapidamente na história de Cyra e Akos. 
Destinos Divididos é um livro mais abrangente. Há mais pontos de vista - não em excesso - que permitem o desenvolvimento de diferentes pontos do conflito e em diferentes locais da galáxia. De certa forma, através da escrita e da envolvência de Veronica Roth conseguimos, enquanto leitores, compreender  os dois lados do problema e as diferentes possibilidades de contra-ataque e de resolução. Sendo o término da duologia, há uma sensação de finalidade muito grande e há um conhecimento profundo dos lados opostos do conflito, o que é, já de si, um ponto muito positivo, pois dá uma maior dimensão ao livro. 
There's poetry in it, in that poetry can be raw, and cruel, and strange, like this.
Fora do universo de Divergente, o esqueleto da escrita de Veronica Roth continua igual e, de algum modo, talvez por já conhecer o trabalho anterior da autora e não esperar o mesmo, a conclusão de Destinos Divididos pareceu-me algo previsível. Mas, em contrapartida, embora a resolução do conflito seja deixado para as últimas páginas, as verdadeiras revelações, aquelas que abanam o coração do livro, apareceram relativamente cedo e foram chocantes e levaram-me a devorar as páginas até à sua conclusão. 
Em Destinos Divididos a carga emocional é igualmente enorme e a existência dos destinos, dos dons-corrente e dos oráculos fascinou-me e criaram momentos de ouro. O elemento mais romântico e as próprias ligações entre os personagens soaram muito reais e, posso dizer que, para mim, Destinos Divididos é o melhor trabalho da autora e, sem dúvida, o meu preferido. As páginas voaram, a história é envolvente e interessante. Um segundo volume e uma conclusão que não desaponta.



E vocês? Quem é que já leu conclusão? Digam nos comentários em baixo!

Nenhum comentário

Muito obrigado pelo comentário!
Eu respondo a todas as mensagens deixadas, pelo que se queres ter a certeza de ver a resposta, não te esqueças de deixar colocada a opção de "notificações".
Boas leituras!