Tecnologia do Blogger.

| Review | O Crime do Vencedor de Marie Rutkoski | Blogmas #22

Após dez anos, os Hernani, liderados por Arin, tomaram a sua terra de volta. Para impedir que a poderosa armada valoriza invadisse Harlan e provocasse um banho de sangue, Kestrel aceitou casar com o príncipe herdeiro de Valoria.O noivado causa sensação no reino, mas Kestrel sente-se uma prisioneira no palácio, sob a vigilância apertada do imperador, que não confia totalmente nela. E com razão: Kestrel encontrou uma forma de passar informações secretas para ajudar o povo errai, e está perto de descobrir um segredo chocante.A paz com Valória tem um preço demasiado alto e Arin procura novos aliados além-fronteiras. Ao mesmo tempo, ele debate-se com a decisão de Kestrel de casar com o príncipe. Sem saber que ela é a espia que o está a ajudar no esforço de guerra, Arin decide arriscar tudo e tentar desvendar a verdade, mas esta poderá ser muito mais perigosa do que ele imagina.
O Crime do Vencedor de Marie Rutkoski é o segundo volume da autora, logo após A Maldição do Vencedor. Fui surpreendida com ambos os livros, pela positiva, pois gostei não só dos protagonistas , Kestrel e Arin, como também do mundo. Não há um elemento fantástico, mitológico ou sobrenatural, mas a história política que a autora cria é mais do que suficiente para cativar o leitor do início ao fim do livro. O leitor é facilmente envolvido pelas emoções e complicações dos protagonistas e há uma ânsia para chegar ao fim e perceber o que acontece.
I don’t mind being a moth. I would probably start eating silk if it meant that I could fly.
A meu ver, O Crime do Vencedor é uma história mais complexa do que A Maldição do Vencedor pois a política torna-se mais difícil de acompanhar, uma vez que está misturada e envolvida directamente com as emoções e a frustração dos elementos principais da história. Estas, são emoções que a autora passa na perfeição para o leitor. As descrições estão bem executadas e as reacções às situações em que são colocados são realistas para as personalidades que já nos foram apresentadas no primeiro livro.
Durante a leitura senti que A Maldição do Vencedor e o Crime do Vencedor tinham ritmos diferentes, próprios da direcção que a história tomou no final do primeiro volume, no entanto, o que permanece comum a ambos é a tensão que vai para além da noção do romance, pois a própria ausência de acção que se vai sentindo ao longo dos páginas, cria uma expectativa pois, por entre as linhas e os diálogos, somos, enquanto leitores, capazes de sentir o perigo, as ameaças e a verdade. A autora obriga-nos a pensar e faz-nos sentir que já conhecemos o jogo quando ainda não temos as peças todas.
Há uma sensação de guerra fria, de uma batalha silenciosa de egos e de poder que a autora transmite muito bem e, desta vez, senti que a descrição da violência primou pelo detalhe e o próprio romance que existe, embora importante e obviamente uma parte fundamental da história, não sobressaí no conteúdo do livro. No fundo, cada tema está igualmente disposto nas páginas e há um equilíbrio muito grande.
She’d felt it before, she felt it now: the pull to fall in with him, to fall into him, to lose her sense of self.
Marie Rutkoski arriscou com O Crime do Vencedor e, foi uma aposta que na minha opinião valeu a pena. É, sem dúvida, uma história inteligente e, desta vez, a autora não se limitou a uma única forma de amor, não explorou apenas a dor da perda de um ente querido para a morte. A autora descreveu o acto de fazer o luto de alguém que ainda vive de forma real e desenvolveu uma história onde o poder e a noção de honra como algo próprio são o elemento chave e, para ser honesta, não imagino o que pode acontecer no último volume e estou ansiosa para o poder conhecer. 



 

E vocês? Alguém já leu? Conheciam a autora? Digam nos comentários em baixo!

2 comentários

  1. Não li nenhum dos dois, nem conhecia autora. Pela opinião, parece ser uma boa aposta de leitura.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu gostei imenso ;) o terceiro já está a caminho de casa!

      Excluir

Muito obrigado pelo comentário!
Eu respondo a todas as mensagens deixadas, pelo que se queres ter a certeza de ver a resposta, não te esqueças de deixar colocada a opção de "notificações".
Boas leituras!