A Mensagem de Quando o Coração Não Perdoa de Ana Rita Correia

terça-feira, 20 de agosto de 2019


Fui abordada pela autora de Quando o Coração Não Perdoa, Ana Rita Correia que me propôs a leitura do seu livro mais recente. Foi numa altura péssima, pois estava a meio dos preparativos finais do casamento e, depois da lua-de-mel e por isso, embora pequeno, não tive oportunidade de pegar imediatamente no livro e de começar a sua leitura mas, mais vale tarde do que nunca! Quando o Coração Não Perdoa é o segundo livro da autora e, sou a primeira a reconhecer a minha ignorância face à mesma e às suas obras e foi com alguma surpresa que iniciei a sua leitura. O livro não é grande e o e-book tem um pouco mais do que 100 páginas na minha versão pelo que lê-se com bastante facilidade. Um dia é mais do que suficiente para iniciar e terminar a sua leitura.
Vantagem de ser criança, algum dia esquecemos, algum dia, tudo passa. 
Fiquei surpreendida por perceber que não havia realmente uma história com um início, um meio e um fim. Não há a habitual linha temporal que caracteriza a maior parte dos livros, o que faz todo o sentido tendo em conta o tamanho da história. A nível pessoal não consegui, felizmente, relacionar-me com a protagonista, no entanto, a mensagem que passa é poderosa e importante. E, apesar de não ser o meu género habitual de livros, gostaria de ter visto a história a ser mais explorada. Queria mais contornos e uma exploração maior dos personagens e das suas motivações. É aquele desejo de leitor de querer saber sempre um pouco mais.
Não tenhas medo de tentar, nem de errar. 
De toda a leitura, o que me comoveu foi, sem dúvida, as mensagens finais que tiveram um toque pessoal. A autora tem uma escrita muito bonita e, por vezes, algo poética e, embora embelezada as mensagens tiveram impacto mesmo para alguém que não conseguiu sentir uma ligação com a história. Penso que é algo que vale a pena ler, no entanto, com algum cuidado. Penso que, dependendo da abertura e da perspectiva pessoal de cada indivíduo, sobretudo para aqueles que já estiveram na mesma situação, pode ser triggering e pode despontar um conjunto de emoções que não são desejadas.

E vocês? Já leram o livro da autora? Está na vossa TBR? Digam nos comentários em baixo!

4 comentários

  1. Muito obrigada! :) A história não foi mais aprofundada pois era uma história real e apenas não havia mais nada para contar. :/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. De nada :) Claro, compreendo! Mas lá está, é aquela curiosidade de leitora de querer conhecer mais do antes e do depois :P

      Excluir
  2. Não conheco nenhum livro da autora mas adorei este post 😊

    ResponderExcluir

Muito obrigado pelo comentário!
Eu respondo a todas as mensagens deixadas, pelo que se queres ter a certeza de ver a resposta, não te esqueças de deixar colocada a opção de "notificações".
Boas leituras!